Investir em imóveis é sempre uma ótima ideia e, como sabemos, é uma ideia para poucos. Afinal, apenas um indivíduo com muita visão de mercado e altas perspectivas para si mesmo é capaz de vislumbrar as boas oportunidades que este setor proporciona. No entanto, a diversificação de investimentos é algo fundamental para evitar a mesmice e potencializar os lucros nesse contexto.

Sim, é isso mesmo! Caprichar na diversificação é uma ótima estratégia para garantir que a rentabilidade de seus investimentos seja sempre alta. Com esse tipo de abordagem, é possível aprimorar a arte de investir e transformar os imóveis em algo, além de tudo, muito mais interessante.

Pensando nisso, preparamos um artigo que visa mostrar a importância da diversificação e abordar pontos cruciais para não cometer erros na hora de investir, como as principais tendências para o ano de 2019 e dicas do que deve ser levado em consideração na hora de ousar. Boa leitura!

Qual é a importância da diversificação de investimentos?

Por mais seguro que seja um investimento, esse tipo de prática sempre envolve um certo risco. Afinal, não é possível prever, com 100% de certeza, quais serão os acontecimentos do futuro e quais deles poderão influenciar na lucratividade de tais investimentos.

Por conta disso, a recomendação dos especialistas é sempre a mesma: diversifique, sempre que possível, a sua gama de investimentos. Isso fará com que a sua renda fique mais estável, evitando oscilações e surpresas indesejadas em momentos de crise na economia.

No caso dos investimentos do setor imobiliário, isso pode ser feito de maneira simples. Há, nesse segmento, muitas áreas possíveis para se investir, garantindo a variação de ativos e garantindo a estabilidade.

Como está o panorama atual da diversificação?

A diversificação de investimentos no setor imobiliário tem apresentado, nos últimos anos, algumas tendências bastante claras. Uma delas envolve o aumento da variedade de portfólios envolvendo os imóveis de médio e alto padrão, especialmente nos grandes centros (como é o caso de São Paulo).

Outra tendência marcante está no investimento em imóveis mais compactos, com até 40 metros quadrados. Esse tipo de propriedade é extremamente importante no contexto de urbanização, pois permite que mais pessoas possam viver em um bairro de boa qualidade por um valor relativamente justo.

Economicamente, a tendência é que 2019 se mostre relativamente mais positivo do que o ano anterior. A economia tende a se tornar mais energética e, por isso, voltam a se interessar na compra de imóveis e na diversificação de seu patrimônio.

O que considerar ao realizar a diversificação?

No momento de realizar a diversificação de imóveis, não há uma preparação específica. Os passos dependerão muito da realidade de cada indivíduo e também do momento em que se encontra o país.

Nos últimos anos, por exemplo, a aquisição de novos imóveis foi algo deixado para segundo plano e postergado até que o momento se mostrasse um pouco mais propício para esse tipo de investimento.

Atualmente, no entanto, investir em imóveis e em sua locação tem se tornado algo muito mais vantajoso do que simplesmente deixar algum montante aplicado, por exemplo, no CDI. Isso sempre levando em consideração o fato de que o número de aluguéis tem crescido bastante, especialmente entre pessoas mais jovens.

Por conta disso, repartir os investimentos e deixá-los diversificados (uma parte do CDI, outra na bolsa e outra em imóveis, por exemplo) é uma ótima estratégia. Assim, todas as frentes são cobertas de maneira realmente eficaz. Com isso, podemos dizer que há um certo checklist de pontos que devem ser levados em consideração. Eles incluem:

  • os objetivos financeiros do investidor;
  • o cenário econômico atual;
  • o aquecimento do mercado imobiliário;
  • o tipo do imóvel a ser adquirido.

Quais são as melhores opções de imóveis para se investir?

A seguir, observaremos algumas das melhores opções de imóveis para investimentos a médio e longo prazo. Assim, ficará muito mais simples notar quais são as principais características de cada um deles e fazer uma escolha acertada. Confira:

Lotes e terrenos

À primeira vista, adquirir um lote vazio pode não parecer uma ideia tão boa. No entanto, esse tipo de investimento traz a segurança da valorização garantida, especialmente quando estiver localizado em uma área que ainda receberá melhorias na infraestrutura e tem potencial para se tornar uma localidade de nível superior do que a que é atualmente.

Apartamentos para alugar

Os aluguéis, como mencionado anteriormente, são a atual preferência de indivíduos mais jovens. Eles desejam mais qualidade de vida e, portanto, querem residir próximos ao local em que trabalham. Além disso, priorizam a boa localização de suas residências, que devem ser situadas em bairros de médio ou alto padrão.

Salas comerciais

O investimento em salas comerciais, especialmente em localizações de grande movimentação e rentabilidade, também é algo bastante interessante. Afinal, o setor de comércio jamais para e alugar esse tipo de imóvel pode ser uma renda considerada bastante segura e estável. Priorize, novamente, locais que têm um bom potencial de lucro.

Flats e hotéis

O investimento em flats e hotéis é algo extremamente vantajoso, especialmente em cidades como o Rio de Janeiro ou São Paulo. Mais uma vez, a localização é um fator primordial e deve ser levada em consideração. Imóveis bem localizados e com um acabamento impecável garantem exclusividade para os que pensam em locar a propriedade.

Imóveis internacionais

Se o seu objetivo é expandir o seu patrimônio para além do território brasileiro, não pense duas vezes! Esse tipo de investimento é extremamente vantajoso, desde que feito com a assessoria necessária. Investir, por exemplo, em regiões como Orlando ou a Espanha faz com que você aumente seu patrimônio de maneira realmente exclusiva.

Como pudemos observar, a diversificação de investimentos no setor de imóveis é algo crucial para garantir não só a rentabilidade dos negócios, mas também para torná-los muito mais interessantes e desafiadores. Afinal, com tantas opções, por que se ater apenas a uma delas, não é mesmo?

Gostaria de saber mais sobre investimentos exclusivos e de altíssimo padrão? Para isso, basta assinar a newsletter da BNSIR e receber, em primeira mão, todos os conteúdos publicados em nosso blog!