O Algarve é considerado um verdadeiro tesouro no extremo sul de Portugal. O clima ameno e as belas praias com águas claras e as encostas fincadas no oceano atraem milhares de turistas todos os anos. A paisagem é realmente sensacional!

Além disso, o Algarve encanta pela sua gastronomia, o alto poder turístico, o potencial econômico e o promissor mercado imobiliário. Não é à toa que essa região vem sendo considerada um ótimo destino para o investimento em imóveis.

Está em busca de uma residência pela região? Neste artigo, vamos apresentar os principais motivos para investir em imóveis no Algarve. Confira!

  1. Alta segurança
Casa de Condomínio | Lagoa | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

Portugal é considerado um dos países mais seguros do mundo (o 3º país mais seguro). Os índices de violência são bastante baixos. Essa é uma das características que mais chamam a atenção das pessoas que desejam viver em paz.

No mesmo sentido, o Algarve tem uma taxa de criminalidade praticamente inexistente. É possível sair normalmente na rua sem medo de ser assaltado ou ter os pertences roubados. Essa é uma das razões que mais chamam a atenção dos brasileiros.

2. Grande potencial de desenvolvimento

Casa | Loule | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

A região do Algarve é formada pelas seguintes cidades: Albufeira, Alcoutim, Aljezur, Castro Marim, Faro, Lagoa, Lagos, Loulé, Monchique, Olhão, Portimão, São Brás de Alportel, Silves, Tavira, Vila do Bispo e Vila Real de Santo António.

Trata-se de uma região com alto potencial de desenvolvimento, principalmente no mercado imobiliário de luxo. A região de Sotavento e no extremo do Barlavento, onde se inicia a Costa Vicentina, é bastante desejada pela proximidade com as praias. O triângulo dourado do Algarve, situado entre a Quinta do Lago, Almancil e Vale do Lobo, é considerado uma zona muito poderosa para o investimento em imóveis.

Além disso, o governo português proporciona incentivos para os investidores imobiliários, como benefícios fiscais e facilidade na concessão de vistos, por exemplo. Esse fato estimula uma maior dinâmica no setor de imóveis e aumenta as negociações na região.

3. Atração turística

Casa | Faro | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

O turismo é, sem dúvida, o carro chefe do Algarve. E não poderia ser diferente. Toda a região litorânea apresenta uma paisagem panorâmica de tirar o fôlego. O local recebe turistas em todos os meses do ano, inclusive no inverno, época do ano em que as temperaturas caem bastante, mas, ainda assim, costumam ser superiores ao restante do país.

Além disso, a região é reconhecida mundialmente como um dos melhores destinos para a prática de golfe graças aos inúmeros campos que ficam abertos o ano todo para os esportistas.

Devido ao intenso movimento, o Algarve oferece inúmeras outras opções turísticas: resorts, restaurantes etc. Nesse sentido, uma boa ideia é investir em um imóvel na região para futura locação aos hóspedes que vêm passear pelo local.

O turismo de luxo também é forte no local, especialmente nas regiões de Quinta do Lago, Almancil e Vilamoura. Muitas celebridades possuem mansões ali ou apenas desembarcam nesse destino para curtir as férias.

  1. Qualidade de vida
Casa | Lagoa | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

O clima ameno mediterrânico, as temperaturas agradáveis, a baixa incidência de chuvas, a presença do sol o ano todo, a simpatia e hospitalidade do povo português são um dos fatores que também pesam quando o assunto é o investimento em imóveis. Isso sem falar nos serviços públicos de qualidade. Tanto é assim que o Algarve é considerado um dos melhores lugares para se viver após a aposentadoria.

5. Infraestrutura de qualidade

Casa | Faro | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

O Algarve também apresenta uma ótima infraestrutura de apoio e acesso. A região apresenta um aeroporto internacional que garante uma rota rápida para as principais cidades da Europa. Os voos diários saem da Cidade de Faro.

Além disso, é relativamente simples se comunicar pela região. A maioria dos estabelecimentos emprega funcionários que falam dois ou mais idiomas, geralmente inglês, francês e alemão, além do português.

6. Ótima oportunidade para quem deseja comprar em vez de alugar

Apartamento | Albufeira | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

As condições para compra são mais atrativas se comparadas com a locação. Isso acontece porque existem muito mais casas para alugar do que para vender. Geralmente, o intenso turismo faz com que muitos proprietários na região coloquem o imóvel para locar. O aluguel de temporada, inclusive, é considerado um negócio extremamente lucrativo no Algarve.

7. Melhores preços dos imóveis em relação a Lisboa

Casa | Vila Moura | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

Dificilmente você vai encontrar imóveis baratos no Algarve. Contudo, se comparados com a capital, eles saem muito mais em conta. É muito comum encontrar casas para venda no Algarve pela metade do valor em Lisboa. Isso se deve principalmente pelo mercado imobiliário de luxo da região.

Apesar de Lisboa ser a capital e oferecer mais oportunidades de emprego, a procura por imóveis é muito grande. Esse movimento faz com que os proprietários aumentem o valor do arrendamento ou da venda, tornando os preços absurdamente elevados.

Nesse sentido, o custo do aluguel de um apartamento na região de Faro pode sair nada mais nada menos do que 50% a menos do que em Lisboa. Diante desse fato, vale muito mais a pena morar em um local mais em conta e menos agitado e que, de brinde, proporciona belíssimas paisagens.

Por isso, a maioria das pessoas geralmente prefere viver nos arredores ou, então, procurar regiões mais afastadas das cidades grandes. E aí o Algarve surge como uma excelente alternativa.

8. Custo de vida justo

Apartamento | Albufeira | Algarve | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

Se comparado com outras regiões turísticas europeias, o Algarve leva vantagem. Apesar de ser o destino preferido de muitos viajantes, o local não encareceu tanto em comparação com outras cidades.

Apesar de o custo de vida variar conforme as estações do ano (no verão, os preços tendem a subir), ainda assim é possível arcar com as despesas. Assim, o custo de vida ainda é considerado justo e até mesmo baixo em relação ao setor imobiliário de regiões europeias litorâneas e turísticas.

Como você pode perceber, toda a região do Algarve é considerada uma ótima opção para o investimento imobiliário. Nesse sentido, é importante identificar as melhores vertentes e saber lidar com as propostas para conseguir boas oportunidades de negociação. Graças ao conhecimento e às habilidades de negociação, você terá retornos financeiros em breve!

Este artigo foi útil? Assine a nossa newsletter e receba conteúdos exclusivos em sua caixa de e-mails!