Você sabe como funciona o ROI no mercado imobiliário? Essa métrica é muito importante, pois ela demonstra se o investimento feito em algum imóvel foi lucrativo ou não. Quem conhece essa métrica, portanto, tem mais facilidade em escolher um imóvel para investir.

Nesse mercado se dá bem os indivíduos que conseguem comprar imóveis ou terrenos que estão em baixa e vendê-los em alta, obtendo elevados lucros na operação. Porém, para isso é importante conhecer essa médica e as características do mercado imobiliário da região pelo qual a pessoa está interessada em investir.

Está interessado em saber mais sobre o assunto? Neste post explicaremos detalhadamente o que o ROI, como essa métrica se aplica no mercado imobiliário e apresentaremos o funcionamento do cálculo desse índice. Acompanhe a seguir.

O que é o ROI?

ROI faz referência a uma sigla em inglês e ela significa “Return Over Investment” ou Retorno sobre o Investimento, traduzindo para o português. Esse indicador demonstra o quanto está sendo ganho com cada investimento feito, independentemente do setor ou do tipo do próprio investimento.

Dessa maneira, podemos dizer, portanto, que essa métrica demonstra claramente a relação entre lucro ou prejuízo sobre a quantia que foi investida. O número obtido por meio do cálculo do ROI ajuda as pessoas a tomarem decisões, a verificarem qual é o investimento com melhor retorno e decidir se vale a pena aportar mais dinheiro ou não.

Um investimento com pouco retorno indica que a aplicação não vai bem e que algo deve ser repensado. O grande benefício do ROI é que ele ajuda as pessoas a tomarem decisões baseadas em dados e números precisos e não em achismos.

Como essa métrica se aplica no mercado imobiliário?

O Return Over Investment possibilita que os indivíduos analisem de forma mais precisa a relação entre custo e benefício em relação a cada investimento efetuado. Dessa maneira, você conseguirá a pergunta: será que vale a pena comprar ou investir nesse imóvel?

Além disso, o ROI apresenta diversas aplicações no mercado e, por isso, ajuda as pessoas a escolherem os melhores investimentos. Entre as principais aplicações estão a possibilidade de análise do momento econômico, a avaliação da localização do imóvel e a reflexão sobre as outras opções de investimentos. Abordaremos detalhadamente sobre essas questões na sequência do artigo. Continue lendo!

Reflita sobre o momento econômico

A primeira aplicação em relação ao ROI é a possibilidade de reflexão em relação ao momento econômico. Sem dúvida alguma, a situação da economia é um dos fatores a serem considerados antes de efetuar um investimento e essa realidade não é diferente em relação ao mercado imobiliário.

Apesar de ele ser um pouco mais cedo e mente em relação às flutuações econômicas do vírus o mercado imobiliário pode ser atingido também por questões externas. Por isso, analise com cautela situação do momento e você aproveite as boas oportunidades que surgirem. Vale destacar que em momentos de crises econômicas o preço dos imóveis costuma cair, o que costuma ser um momento favorável para quem deseja investir.

Avalie a localização do imóvel

A localização é um dos aspectos que mais influenciam no preço e no potencial de rentabilidade do imóvel. Portanto, vale muito a pena você me avisar essa questão com cuidado. Nesse momento alguns aspectos podem ser analisados, como a infraestrutura da região, número de linhas de ônibus, segurança, iluminação pública etc.

Por outro lado, uma região mais afastada, porém com grandes probabilidades ou expectativas de investimentos em áreas afastadas pode significar uma ótima oportunidade de investimento pensando em longo prazo. Isso pode fazer com que seu imóvel se valorize rapidamente e que você possa ter lucros quando vendê-lo.

Considere diversas opções de investimentos

O Return Over Investiment possibilita que você faça a comparação do desempenho entre diversos tipos de investimentos. Marcello Gandini Romero, CEO da BNSIR, acredita que o custo de oportunidade é um dos fatores mais importantes a serem pensados nesse momento.

“A conta que deve ser analisada para medir o retorno é a análise do custo de oportunidade do dinheiro. Se hoje eu tenho 500 mil reais disponível na conta, mas sou uma pessoa que não mexo com bolsa, com dólar, quais as minhas opções? Deixa o dinheiro aplicado no CDI, que rende 6,5% ao ano. A conta que eu devo fazer é pensar que o imóvel pode ser comprado parcelado por um valor ou a vista por outro. Quando ficar pronto, coloco para alugar. Geralmente coloco de 0,3% a 0,5% ao mês. Se multiplicar por 12, dá quase 7% ao ano. Fica atrativo tão quanto o CDI”.

Como funciona o cálculo do ROI?

Realmente muitas pessoas têm dúvidas sobre como funciona esse cálculo, porém ele é bem simples. Primeiramente, vale destacar que não há muitos segredos para calcular o Retorno sobre o Investimento. Basta seguir a seguinte fórmula:

ROI = (receita-custo) /custo

Para facilitar o entendimento, vamos a um exemplo de aplicação desse cálculo. Imagine que você comprou um imóvel por R$ 200 mil e tenha vendido por R$ 500 mil. Qual será o ROI nesse caso? Basta aplicar a fórmula acima e encontrar o resultado. Vai ficar, portanto, da seguinte maneira:

ROI = (500 mil – 200 mil) / 200 mil

ROI = 1,5

Multiplicando-se por 100 encontramos o valor percentual do ROI. Portanto, o ROI nesse caso foi de 150%. Isso significa que para cada real investido você obteve R$1,50 de lucro. Muito bom isso, não é mesmo?

Ainda é importante considerar que é fundamental considerar o fator tempo. Um investimento de 2 anos com ROI de 10% é mais vantajoso do que um investimento de 5 anos com um retorno de 20%. Isso porque, os investimentos de curto prazo permitirão que você realize os lucros e possa aplicá-los em futuros investimentos, obtendo ainda mais lucros futuramente nos seus negócios imobiliários.

O ROI é uma métrica extremamente importante, pois ajuda as pessoas a verificarem a relação custo-benefício de cada investimento. No mercado imobiliário, antes de fazer uma compra, é fundamental estar atento em relação a localização do imóvel, ao momento econômico e estar atento à outras opções de investimentos.

Agora, que já sabe como funciona o ROI no mercado imobiliário, veja como você pode investir em imóveis no exterior de forma eficiente.