Internacional

O futuro em Lisboa

A capital portuguesa fundada no século XIII sempre teve uma natural vocação de abertura ao mundo. Em pleno século XXI, depois de tantos avanços e recuos, está agora mais internacional do que nunca.

Lisboa é a capital mais ocidental da Europa. O ponto estratégico da sua geografia fez dela ponto privilegiado de entrada e saída do velho continente.

No auge dos descobrimentos, a Lisboa do século XV e XVI foi  Praça comercial por excelência, e o centro de um Império que se estendia até à Ásia.

O terremoto de 1755 destruiu quase completamente  a cidade. Foi o principal ministro do rei D. José I,  de seu nome Sebastião José de Carvalho e Melo, e que tinha ainda o título de Marquês de Pombal, o grande visionário da Lisboa moderna.

Projetou largas avenidas de linhas retas, seguindo os modelos de outras capitais europeias. E assim se edificou a nova metrópole.

Depois de um período de ditadura (1926-1974) e de isolamento face ao exterior, a cidade volta a cumprir a sua vocação cosmopolita que sempre teve.

No século XXI, Lisboa deixa-se contaminar pelos visitantes que têm engrossado as ruas da cidade e nela chegam dos 4 cantos do mundo.

As ruas da capital portuguesa são quase como um espelho da Torre de Babel. Cruzam-se idiomas diversos. Muitos estrangeiros chegam para viver.

Hoje, Lisboa tem cerca de 510 mil habitantes. Estima-se que 400 mil sejam internacionais.  A maioria são franceses, chineses e brasileiros.

A Lisboa que está a nascer agora, é a Lisboa do FUTURO. Respira novos valores de abertura, tolerância, inclusão, diversidade cultural e conhecimento.

Apartamento | 53 m² | 1 Dormitório | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

Na decoração e no design de interiores, as casas estão se sofisticando, abraçando novos hábitos culturais, muito por conta do aumento da presença de arquitetos estrangeiros que dialogam abertamente com a forma de estar portuguesa.

Sotto Mayor Residenciais | 108m² | 2 Suítes | Bossa Nova Sotheby’s International Realty

A arquitetura clássica é o que domina as ruas da cidade, embora as casas tenham uma vivência interior que se desenha cada vez mais segundo uma matriz global.

Lisboa é hoje uma cidade verdadeiramente cosmopolita, com uma boa auto-estima, de vocação humanista e aberta ao mundo.

A capital portuguesa revela um otimisto vibrante que faz crer em dias felizes no futuro.

 

Assinatura: QuartoSala – Home Culture

 

Posts relacionados
Internacional

Os sete lugares excepcionais na África do Sul

Muito além do safári, a África do Sul oferece todos os elementos para férias…
Ler mais
Internacional

Descubra o luxo dos destinos mais exclusivos com a Bossa Nova Sotheby’s

De mansões nas Bahamas a residências na Toscana, separamos algumas propriedades que dão vida ao…
Ler mais
Internacional

Dubai: O destino do futuro para investidores globais

Descubra como Dubai se tornou a segunda cidade mais visitada do mundo e um destino atraente para…
Ler mais