Lifestyle

Por que a Vila Madalena foi considerada um dos bairros mais legais do mundo?

Localizado no coração da Zona Oeste, o bairro da Vila Madalena carrega a arte e o verdadeiro significado de viver em São Paulo e em suas ruas. Para você conhecer melhor, a Bossa Nova Sotheby’s elencou algumas das principais atividades que divertem moradores e turistas da região.

A Time Out, maior guia de lugares interessantes ao redor do mundo, selecionou um grupo de 51 bairros mais legais de 2022 e, representando o solo brasileiro, a Vila Madalena, em São Paulo, garantiu o 13º lugar. A publicação destaca a origem do caráter boêmio atrelado aos estudantes da Universidade de São Paulo que, nos anos 80, foram atraídos pelo preço dos aluguéis e das caipirinhas baratas. Atualmente, jovens de todos os tipos de moda enchem as ruas, desde a diversidade de bares da famosa Rua Aspicuelta, até o fim da tarde ao pôr do sol, com shows de samba noturnos que cativam multidões de todas as gerações.

A consultora da Bossa Nova Sotheby’s, Andrea Lolito, comenta que hoje a Vila Madalena se equipara a qualquer bairro ‘bacana’ e ‘descolado’ de qualquer Capital em outros países. “A Copa do Mundo de 2014 fez com que o bairro se tornasse mais conhecido, pois trouxe estrangeiros e moradores de outras regiões que se misturavam para assistirem aos jogos nos bares. Hoje em dia é muito comum andar pelo bairro e ver muitas pessoas fazendo turismo, o que não se via há décadas. Basta parar cinco minutos no Beco do Batman, por exemplo, para perceber o movimento intenso de pessoas de todos os lugares do país e do exterior”, observa. De fato, a Vila Madá – apelido carinhoso atribuído pelos moradores da cidade – é um dos bairros mais boêmios da capital. Morar na região significa ser vizinho de bares tradicionais, como o Olívio ou Boteco São Conrado. No entanto, os amantes da boa culinária também encontram espaços para se entreter, como a famosa hamburgueria Raw, o rústico Pé de Manga ou até mesmo o restaurante de menu internacional Ruaa. E se você aprecia um bom som, o Madeleine Jazz Bar deve ser colocado em primeiro em seu roteiro.

Madeleine Jazz Bar | Reprodução: Internet

Coração da Zona Oeste, a Vila Madalena também acomoda um dos principais pontos turísticos alternativos da cidade: o Beco do Batman. O lugar, tão característico quanto o personagem de Bruce Wayne, é formado por um conjunto de vielas cujas paredes possuem diversos grafites e que, durante os fins de semana, se transformam em um grande espaço de encontro cult para moradores e turistas.

Beco do Batman | Reprodução: Internet

Ainda sobre espaços, a Feira da Praça Benedito Calixto acontece desde a década de 80 e é uma das principais referências do turismo cultural da região. O local é ideal para um passeio durante uma tarde de sol, com programas como garimpo de antiguidades, compra de artesanatos, prova de petiscos e até música ao vivo. 

Aos sábados, a feira reúne cerca de 300 expositores com vendas que vão desde móveis e itens domésticos até vinis, selos e moedas antigas. A exposição é frequentada tanto por moradores, que fazem dela um ponto de encontro para colocar o papo em dia, quanto por decoradores e colecionadores em busca de relíquias.

Feira Praça Benedito Calixto | Reprodução: Internet

Ao voltar da feira é possível usar toda a disposição adquirida com as artes e comprar ingredientes para uma alimentação mais saudável. O Instituto Chão, na altura 112 da Rua Harmonia, oferece produtos orgânicos e artesanais diretamente com o produtor. O local pode ser considerado um espelho de São Paulo, já que é um espaço voltado para a convivência.

Instituto Chão | Reprodução: Internet

Como pode-se perceber, a arte é o DNA do paulista e quem escolhe viver na Vila Madalena, escolhe viver perto de todos os tipos de linguagens artísticas, como por exemplo a Galeria Fortes Vilaça, referência no circuito mundial do vigor e da qualidade da arte contemporânea brasileira, e a Galeria Sancovsky, galpão que apresenta artistas que trabalham desde a pintura até a escultura.

Galeria Fortes Vilaça | Reprodução: Internet

No geral, o bairro é um local seguro para se viver. Além da qualidade de vida oferecida pelas ruas arborizadas, praças e principalmente pela vizinhança que sabe valorizar o local cuidando do que possui, o clima pode ser comparado a uma cidade do interior que carrega uma infraestrutura de comércio e serviços apenas a alguns passos de distância.

Posts relacionados
Lifestyle

6 Wine Bars aconchegantes em São Paulo que valem a visita

Os bares de vinho, em tradução literal, fogem do clichê e apresentam propostas interessantes para…
Ler mais
Lifestyle

Confira os destaques do Guia Michelin Brasil 2024

Após quatro anos de hiato, a Michelin volta a premiar a gastronomia brasileira, reconhecendo 24…
Ler mais
Lifestyle

Entenda como kitesurf impulsiona uma nova era no Nordeste

Executivos encontram no esporte uma paixão pelo mar e oportunidades de negócios na Praia do…
Ler mais