Lifestyle

Indicações de livros com receitas, de Eric Ripert em comemoração ao Dia do Chef

Chef francês compartilha seus livros favoritos com receitas inspiradoras e ressalta a importância de vegetais para compor as refeições

13 de maio é celebrado o Dia Nacional do Chef. Para os gourmands de todo o mundo, Éric Frank Ripert dispensa as apresentações. Autor e personalidade de televisão, também é especializado em cozinha francesa moderna e está à frente da renomada instituição Le Bernardin, restaurante de frutos do mar no centro de Manhattan, na cidade de Nova York. Um dos mais decorados do país. 

Embora o chef francês seja conhecido por seu trabalho com frutos do mar, ele também vem orientando as virtudes do jantar à base de plantas, como consta no lançamento de seu último livro de receitas, Vegetal Simple, de 2021. 

“Com esse livro, eu não queria ser pregador ou crítico. Mas comer vegetais faz você se sentir bem e leve, e traz benefícios para a saúde”, ressalta Ripert. 

Diante disso, Eric também pontua a importância das mudanças climáticas para quem cultiva esses vegetais. “Boas práticas de cultivo da terra e agricultura orgânica são importantes”, ele ainda pontua que se alimenta de carne, mas busca alternativas na hora das refeições. 

Em seu último lançamento, o premiado chef fala um pouco sobre os pratos de Bolonhesa de Cogumelos e Salada de Fava e Hortelã. Receitas simples, sem etapas ou ingredientes complexos. Ideal para quem deseja apostar mais em saladas e vegetais. 

“Acho que muitas pessoas se inspiram em algo novo. Dez anos atrás, todo mundo estava empolgado com bacon e barriga de porco. Agora está na moda comer vegetais”, explica Ripert. “As pessoas estão descobrindo que os vegetais conectam você com a estação, são nutritivos e deliciosos. É uma maneira de estar muito no presente”. 

Homem de camisa branca

Descrição gerada automaticamente
Reprodução/ Facebook

Confira os livros de receitas que Éric recorre para sua inspiração culinária.

LA CUISINE DU MARCHÉ DE PAUL BOCUSE

“Quando eu era criança, fui muito inspirado por aquele livro – foi por isso que me tornei chef, provavelmente porque lia mais aquele livro do que estudava na escola! Foi um best-seller em todo o mundo; é um livro de receitas muito inspirador. Mesmo sendo um produto da década de 1970, ainda é muito atual, pois desmistifica muitas receitas clássicas. Se você quer fazer um suflê e ter sucesso, abra esse livro”.

MA CUISINE POUR VOUS: LES RECETTES ORIGINALES DE JOËL ROBUCHON

“Adoro esse livro porque trabalhei para Joël Robuchon e, na época, achei revolucionário. Suas receitas e sua culinária eram absolutamente incríveis e novas. Ele estava basicamente desmistificando a culinária de três estrelas Michelin para o cozinheiro doméstico. Ele era realmente fiel às receitas que eram servidas em seus restaurantes, mas tornando as coisas acessíveis para o cozinheiro doméstico. Além disso, minha cópia é autografada por ele, dizendo-me que acreditava que eu me sairia bem, então é um livro muito sentimental”.

BASICS: THE FOUNDATIONS OF MODERN COOKING BY FILIP VERHEYDEN 

“É muito pequeno – você pode carregá-lo em todos os lugares. Tem fotos muito legais e receitas simples de itens ultra básicos. Você pode aprender a fazer vinagrete, maionese e guarnições. Todas as técnicas que você precisa estão lá. Na verdade, esse livro me inspirou a fazer Vegetal Simples do jeito que fiz, sem capítulos ou estrutura, apenas uma coleção de diferentes técnicas que inspiram o leitor a cozinhar”.

COOKING WITH THE SEASONS BY JEAN-LOUIS PALLADIN 

“Jean-Louis Palladin foi meu primeiro chef em Washington, DC – ele foi um dos primeiros chefs franceses celebrados no país. Ele criou esse livro absolutamente magnífico com fotos tiradas no final dos anos 1980, documentando sua culinária inspirada no sudoeste da França. Esse livro não envelheceu nada! É um dos livros mais lindos que já vi – apenas virando as páginas, os visuais são impressionantes”.

THE FRENCH LAUNDRY COOKBOOK BY THOMAS KELLER 

“Esse livro é absolutamente lindo, com fotos que homenageiam a beleza e generosidade da Califórnia. Foi muito inspirador para mim e para o resto da indústria. Acho que ele quebrou o molde ao criar um objeto que é um livro de mesa de centro, mas ao mesmo tempo tem receitas que são muito inspiradoras e motivam o leitor a cozinhar”.

ELBULLI 2005-2011 POR FERRAN ADRIÀ

“Ferran Adrià basicamente documentou tudo o que criou desde o primeiro dia. Ele criou um estilo de cozinhar – muito controverso, mas muito interessante. Hoje, muitas das técnicas que ele inventou são usadas pelos cozinheiros de uma forma mais tradicional. Ele nos permitiu cozinhar e introduzir sabores completos com muita leveza e sem manteiga”.

Para você que é aspirante a chef, selecionamos alguns itens e utensílios que não podem faltar na cozinha.

Cozinha com vaso de planta

Descrição gerada automaticamente


Robô Bimby – O robô acumula múltiplas funções, como batedeira, processador e panela. No único copo do equipamento se prepara pratos elaborados em minutos | | Foto de reprodução

Uma imagem contendo mesa, prato, comida, homem

Descrição gerada automaticamente

Panela para Pão Le Creuset – Esse utensílio transforma o pão caseiro em um pão com qualidade de padaria. Seu formato garante umidade e uma crosta dourada e crocante na panificação caseira | Foto de reprodução

Faca ao lado

Descrição gerada automaticamente com confiança média


Conjunto chaira da Zwilling – A dica aqui é a chaira da Zwilling, com design exclusivo feito por Matteo Thun. O modelo é de cerâmica e oferece uma experiência exclusiva no corte | | Foto de reprodução

Tigela de vidro

Descrição gerada automaticamente com confiança baixa



Norpro Chinois – Utensílio indispensável para coar caldos e molhos. Sua malha fina aprimora o resultado dos alimentos, que oferece qualidade, mantendo o resultado artesanal dos preparos | | Foto de reprodução

Uma imagem contendo no interior, mesa, cozinha, balcão

Descrição gerada automaticamente


Espagueteria Angiolina – Uma parceria entre a Riva e o estúdio italiano Adriano Design, foi além na criação desta panela para massa. O utensílio é uma verdadeira experiência de design que prepara a massa perfeita al dente. | Foto de reprodução

Imagem editada de homem com óculos de grau

Descrição gerada automaticamente


Livro Sabor – Minha Vida Através da Comida – O passo a passo de uma receita intercalada com uma prosa simpática está nesta obra de Stanley Tucci, ator dos filmes Jogos Vorazes e O Diabo Veste Prada. Receitas como um coquetel Negroni, Costeletas de Cordeiro, Ragu Tucci, feito por sua avó materna, até episódios profissionais, como Martinis nos sets de filmagem apimentam o livro | Foto de reprodução

Quer conhecer nossas oportunidades de imóveis de alto padrão com cozinhas impecáveis? Entre em contato com a Bossa Nova Sotheby’s e fale com nossos consultores.

Adaptação | Reside

Posts relacionados
Lifestyle

Festas juninas ao redor do mundo

O mês de junho é uma das épocas festivas mais esperadas no Brasil, mas ao redor do mundo também…
Ler mais
Lifestyle

Muito além da fama: conheça 6 músicos que apostaram também em pinturas

Conhecidos pelo sucesso nos palcos, cantores como Robbie Williams, Paul McCartney e David Bowie…
Ler mais
Lifestyle

Slow Travel: Refúgios de luxo para uma verdadeira imersão nas suas próximas férias

A tendência slow travel inspira viagens de férias para experiências inesquecíveis Imagine…
Ler mais