Arquidecor

A beleza das pedras naturais na decoração

Maravilhas naturais, elas dão um toque único, durável e sofisticado ao projeto de um imóvel

O caráter inato, a granulação única e as cores que se inspiram na terra – há muito o que apreciar nas pedras naturais. Usá-las na composição do design de interiores e até na fachada da sua casa, em bancadas, paredes, pisos ou assentos, adiciona uma beleza singular que não pode ser replicada. “Não há duas peças de pedra que combinem completamente, já que veios e cores são todos feitos pela Mãe Natureza”, diz Gioi Tran, fundador e principal designer da empresa de design Applegate Tran Interiors, com sede em São Francisco.

Cada tipo de pedra tem uma gama distinta de padrões naturais próprios. Para uma aparência mais limpa, você vai querer pedras com fundos mais uniformes ou sólidos. Para uma aparência complexa, escolha pedras com veios dispersos, diz Mary Dimichino, designer sênior da Bakes & Kropp cabinetry em Nova York. “O acabamento, seja polido ou rústico, também impacta na aparência da pedra natural. Ele pode transformar a textura, a cor e a refletividade de uma superfície”, diz ela.

E por causa de suas imperfeições inerentes, quanto mais falhas, mais interessante a aparência de uma pedra natural. Mas talvez sua qualidade mais útil seja a durabilidade. “A pedra natural é resistente e fornece uma superfície durável para pisos, cozinhas e banheiros, além de ser relativamente fácil de limpar, higiênica e não tóxica”, diz Maneli Wilson da Maneli Wilson Interiors em Nova York. E é ecologicamente correto. “Não requer processos artificiais ou produtos químicos para fabricação, ao contrário de muitos outros materiais de construção feitos pelo homem”, diz ela.

Granito

Uma das mais fortes variedades de pedras naturais, o granito é uma opção de baixa manutenção que é resistente ao calor e a riscos, tornando-o ideal para espaços externos e de alto tráfego, como lavanderias, vestiários e cozinhas, diz Wilson. Muitos tipos de granito são salpicados com manchas de cor, enquanto outros têm veios e redemoinhos semelhantes ao mármore.

Feita de muitos tipos de cristais, cada placa de granito tem coloração e veios únicos, e muitas vezes é vendida em tons de branco, bege, preto, azul, verde ou cinza, diz Dimichino.

É ótimo para balcões de cozinha e backsplashes, bordas de lareira e em azulejos como uma parede característica, diz Tran.

O granito dá um toque agradável a uma lareira projetada por Maneli Wilson. Crédito da foto: Chandler Pierce Architecture
Ilha em mármore é o destaque da cozinha deste apartamento com projeto de Athié Wohnrath a três quadras do Parque Ibirapuera

“Embora o granito tenha sido desprezado por décadas, finalmente ele está tendo um retorno muito merecido”, diz Phillip Thomas, fundador e diretor da Phillip Thomas Inc., uma empresa de design na cidade de Nova York.

Uma cozinha projetada por Phillip Thomas usa quartzo.
Crédito da foto: Eric Piasecki

“Recebi várias encomendas ultimamente que pedem especificamente granito. Novas descobertas em granitos com as mesmas qualidades do quartzo e do mármore estão definitivamente impulsionando esse ressurgimento”, diz ele. “Tem uma profundidade e textura incríveis e é quente sob os pés.”

Antes de trabalhar com pedra natural, Wilson recomenda obter amostras da pedra para verificar a cor ou visitar os próprios pátios de pedra para vê-la pessoalmente. “Cor, veios e características naturais variam de laje para laje”, diz ela. Ela também sugere que as superfícies de pedra sejam impermeabilizadas novamente uma vez a cada seis meses para garantir a longevidade.

Lareira com revestimento em granito de casa em condomínio no Jardim Luzitânia com projeto do arquiteto Roberto Migotto.
Apartamento em Pinheiros com hall de entrada em piso de mármore negro com veios brancos.

Ônix

Um tipo de mármore, o ônix vem em vários graus de padrões e um arco-íris de cores, incluindo tons populares como jade, menta, rosa claro e dourado “quente”.

Tran adora o glamour e a translucidez do material e o usa para paredes, banheiros, balcões e até móveis. “O veio, a variedade de cores e a vibração tornam este material genuinamente espetacular; é perfeito para ser iluminado como uma parede de destaque, penteadeira ou até mesmo sob um balcão de bar”, diz ele.

“Um atributo único do ônix é que ele é translúcido e pode ser iluminado para um efeito uau”, diz Wilson. “No entanto, a desvantagem é que menos rígido e propenso a rachaduras. Deve ser usado de forma seletiva para garantir que fique longe de áreas de alto tráfego e uso frequente”, diz ela.

Normalmente é apresentado como um detalhe. “Sua qualidade translúcida, tons de cores quentes e belos veios podem ser impressionantes na aplicação certa”, diz Donna Mondi, fundadora e diretora da Donna Mondi Interior Design em Chicago. É caro, “mas perfeito para um pêndulo ou inserção em uma parede de destaque”.

“É tão bonito e único que é quase como revestir sua casa com joias”, diz Thomas. “Adoro usar ônix nos banheiros porque dá ao espaço um brilho quente e luxuoso.”

Travertino

Uma rocha sedimentar de calcário poroso, o travertino tem uma aparência uniforme com seus poros e fissuras característicos enfeitando sua superfície. Dependendo da variedade de travertino, essas fissuras podem ser pequenas e espaçadas ou grandes e bastante presentes. 

Casa no bairro Cidade Jardim com pisos em mármore travertino romano importado.

As cores do travertino são mais neutras do que outros tipos de pedra natural, e variam de marfim e creme a tons de marrons dos mais claros aos mais escuros. “Os redemoinhos de cores e ondas em todo o travertino, trazem energia a um espaço e conferem uma estética mais moderna”, diz Young Huh, designer de interiores da Cosentino Design Alliance, com sede em Nova York.

O travertino também pode ser usado em vários acabamentos, desde rústico e polido até escovado. “É o material mais indicado para ambientes úmidos, revestimento de paredes, lareiras e banheiros, pois é naturalmente poroso e respirável”, diz Wilson. “Também é uma ótima opção para usar ao redor de piscinas, banheiros e pisos de chuveiros, pois o travertino não polido não fica escorregadio quando molhado”, diz ela.

Terrazzo

Terrazzo é um material composto que utiliza lascas de pedras naturais como mármore, granito, quartzo, vidro ou concha que são combinadas com epóxi ou cimento. E é extremamente resistente e durável. “Normalmente usado em pisos, o preço é alto, mas você pode encontrar muitas opções de tijolinhos pré-fabricados em formatos de ladrilhos que são uma ótima maneira de incorporá-lo em banheiros e cozinhas”, diz Mondi.

Com sua ampla gama de cores e padrões, o terrazzo oferece uma abundância de flexibilidade de design. “O Terrazzo é de baixa manutenção, não-poroso e incrivelmente durável, tornando-o ideal para aplicações de pisos em espaços residenciais e comerciais”, diz Wilson. Como é feito de vidro reciclado e lascas de pedra, também é uma opção de material altamente ecológico, acrescenta ela.

E pode ser personalizado para se adequar a qualquer plano de cores e pré-moldado em uma infinidade de formas para criar móveis e armários, diz Tran. “Por ser um material composto, você pode misturar cores diferentes e inserir todos os tipos de pedras e metais”, diz Thomas.

“Baseado no pavimento veneziano do século 18, o Terrazzo percorreu um longo caminho e pode ser despejado, moldado ou até transformado em azulejos que podem ser chiques e elegantes para revestir piscinas e banheiros”, diz Tran.

Apartamento no Jardim Europa totalmente reformado pelos arquitetos Fábio Galeazzo e Mariana Alves com superfícies em Silestone.

A Bossa Nova possui um amplo portfólio de imóveis com acabamentos de alto padrão como esses. Quer receber uma curadoria com o seu perfil? Entre em contato com a Bossa Nova e fale com nossos consultores.

Adaptação | Reside
Posts relacionados
Arquidecor

Móveis e acessórios de madeira se destacam como tendência internacional

Elemento atraiu olhares pela versatilidade na decoração. Expositores realçaram a madeira como…
Ler mais
Arquidecor

 Tendências para um ‘Infinito Particular’

Com um olhar único, a 31ª edição da CASACOR Rio, que segue até o dia 26 de junho, chegou para…
Ler mais
Arquidecor

Adegas para se inspirar

Sim! É possível criar um ambiente especial para apreciar um bom vinho. Por isso, selecionamos 5…
Ler mais